Política não é televisão!

Qual a diferença de um Deputado Estadual e um humorista? A função e as responsabilidades da política recaem sobre você e, nesse caso, não dá pra mudar de canal.


Notícias – 16 de Agosto de 2010

Qual a diferença de um Deputado Estadual e um humorista?

A política e a carreira artística são extremamente diferentes e o grau de seriedade do assunto é altíssimo. A função e as responsabilidades de um político recaem sobre você e, nesse caso, não dá pra mudar de canal. A moda dos partidos é se valer de celebridades para eleger “laranjas”. O que significa que, embora seu ídolo tenha um carisma inenarrável, ele está apenas servindo de escudo para que pessoas corruptas tomem decisões sérias no congresso… e isso não é

nada engraçado.Os candidatos precisam ser pessoas aptas a planejar e desenvolver políticas públicas para ajudar a resolver os problemas da sociedade. Alguém com especialização em projetos e nas áreas sociais onde pretende trabalhar. Portanto, lembre-se que a função do Congresso Nacional NÃO é divertir você. As filas nos hospitais, o descaso na educação, as ruas esburacadas, a falta de segurança e todos os problemas nacionais estão diretamente relacionados à brincadeira nas urnas. Os famosos servem apenas como objeto de marketing para manipulação de votos e no fim, o palhaço da piada acaba sendo você. A vida pode até ser engraçada, mas não é brincadeira.

Ainda tem dúvidas? Acompanhe a série de posts que explicam cada cargo e veja a lista de famosos. Assim, fica mais claro entender a gravidade da situação.

O PTB paulista é o partido que mais tem investido na eleição de celebridades “laranjas”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.